"Bernadette perguntou três vezes o nome da Senhora, que sorrindo e unindo suas mãos sobre o peito respondeu: Eu sou a Imaculada Conceição."
Terça, 12 Maio 2015 10:23

Confiança e responsabilidade (Ascensão do Senhor)

Escrito por  José Antonio Pagola
Avalie este item
(0 votos)

PROCLAMAI O EVANGELHO A TODAS AS CRIATURAS

Ao evangelho de Marcos se acrescentou em algum momento um apêndice onde se recorre este mandato final de Jesus: “Ide ao mundo inteiro e proclamai o Evangelho a todas as criaturas”. O Evangelho não pode ficar no interior de um pequeno grupo de discípulos.  Deverão sair e viajar para alcançar o “mundo inteiro” e levar a Boa Notícia a todos os povos, a todas as pessoas.

Em dúvida, estas palavras eram escutadas com entusiasmo quando os cristãos estavam em plena expansão e suas comunidades se multiplicavam por todo o império, mas como escutá-las hoje quando nos vemos impotentes para segurar a quem abandona nossas igrejas porque não sentem necessidade de nossa religião.

Em primeiro lugar é importante viver com confiança absoluta na ação de Deus. Isso nos ensinou Jesus. Deus continua trabalhando com amor infinito o coração e a consciência de todos seus filhos e filhas, ainda que nós os consideremos “ovelhas perdidas”. Deus não está bloqueado por nenhuma crise. Não está esperando que a partir da Igreja coloquemos em ação nossos planos de restauração ou nossos projetos de inovação. Ele segue atuando na Igreja e fora da Igreja. Ninguém vive abandonado por Deus, ainda que nunca tenha ouvido falar do Evangelho de Jesus.

Mas tudo isso não nos dispensa de nossa responsabilidade. Temos que começar a fazer novas perguntas: Por que caminhos Deus anda buscando os homens e mulheres nesta cultura moderna? Como fazer presente aos homens e mulheres de nossos dias a Boa Noticia de Jesus?

Devemos perguntar ainda algo mais: Como Deus está nos chamando para transformar nossa forma tradicional de pensar, expressar, celebrar e encarnar a fé cristã de maneira que propiciemos a ação de Deus no interior desta cultura moderna? Não corremos o risco de convertermos, com nossa inercia e imobilismo, em freio e obstáculo cultural para que o Evangelho se encarne na sociedade contemporânea?

Ninguém sabe como será a fé cristã em um mundo novo que esta emergindo, mas, dificilmente será uma “cópia” do passado. O Evangelho tem força para iniciar um cristianismo novo.

José Antonio Pagola

Teólogo e biblista espanhol

(Tradução livre: Dervile Alonço)

Ler 4587 vezes Última modificação em Terça, 12 Maio 2015 16:28

Links

Quer sugerir temas para buscarmos respostas? O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

Redes Sociais

    A Igreja também está presente nas Redes Sociais, acompanhe!